Loading...

sábado, 30 de julho de 2011

É pela política que o partido se desenvolve

Walter Sorrentino, secretario nacional de organização do PCdoB esteve em visita a nossa Chapecó. Uma pessoa muito simpática, sorridente e comunicativa. Tem um raciocínio rápido e envolvente que impressiona,  esta no nível mais alto no acumulo de conhecimento político sobre o Brasil e sobre as necessidades de se ter um Partido Comunista forte e organizado entre as massas. Sua visita foi um verdadeiro choque de motivação para nossa militância que andava meio zonza. 

Fizemos um bom evento no auditório do Sindicato dos Bancários, participaram mais de 150 pessoas, entre amigos e filiados do Partido. O momento todos sabem não é nada fácil para mobilizar pessoas em torno de debates políticos, mas o PCdoB reúne gente,  isso se deve a justeza de suas idéias e o firme compromisso de quase 90 anos de história sempre pela mesma trincheira.  

Somos um partido de porte pequeno para médio, temos ideias e compromisso com o desenvolvimento do país. Sabemos que para o Brasil alcançar o posto de nação rica e desenvolvida, precisamos alcançar a nossa plena soberania política e econômica, precisamos ampliar a democracia e ter maior participação popular e por fim temos que ter desenvolvimento com distribuição de riquezas. O Brasil esta no rumo, mas precisamos avançar ainda mais. Esse é o debate do momento, como vamos aproveitar o momento e dar um novo salto civilizatório, queremos e podemos nos tornar uma nação moderna, desenvolvida e com um povo bem educado e com condições de vida digna. 

Essas questões passam pela política, o brasileiro precisa assumir o seu papel e debater cada vez mais as grandes questões políticas do país. As questões políticas só podem ser debatidas através da política, não existe meio termo ou outro caminho. É preciso fortalecer o papel do Partido e estar mais presente nas massas. Não podemos ter medo de fazer os debates, mesmo aqueles que são complexos e envoltos de enormes distorções. Aldo Rebelo é o grande exemplo nesse sentido, ao assumir a relatoria do Código Florestal.  foi criticado pela mídia, pela direita e pela esquerda, mas no final obteve a maior votação que o congresso ja alcançou nos últimos anos. E o mais importante, mandou um recado para os EUA e Europa, nas nossas questões e no uso do nosso território quem decide somos nós, vocês cuidam das coisas de vocês e nós cuidamos das nossas. 

O momento é rico para o debate político e o Partido precisa se colocar, não tenho dúvida de que com as nossas ideias e uma política clara e ousada teremos grandes êxitos junto a opinião das pessoas. Temos que nos defender na política e nos dar o respeito, somos um partido de ideias, temos propostas claras e objetivos para o desenvolvimento da nação, é preciso divulgar e formar milhares de novos militantes. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário